• Nativa FM

Dois são presos após assalto a mão armada em joalheria de São Gabriel do Oeste


Ação rápida das forças de segurança de São Gabriel do Oeste resultou na prisão de dois indivíduos envolvidos em assalto a mão armada cometido na tarde desta segunda-feira (01), numa relojoaria localizada na rua Paraná, centro da cidade. Outros três suspeitos são procurados pela polícia.



Conforme relato da proprietária da joalheria, dois ladrões armados com revólver entraram no estabelecimento e anunciaram o assalto, posteriormente um terceiro envolvido chegou ao local e colocou diversos pertences do estabelecimento numa mochila.


Os dois primeiros criminosos levaram a mulher e seu filho para os fundos da joalheria e mostrando as armas exigiram que a vítima abrisse o cofre, de onde os ladrões levaram R$ 4.352,00.


Após pegaram o dinheiro, joias, relógios e um celular Iphone, os ladrões fugiram do local. Conforme estimativa da vítima, pertences e dinheiro furtados totalizaram R$ 137.476,00.


A Polícia Civil foi acionada e iniciou os trabalhos de investigação. Levantou informações preliminares e alertou as demais forças de segurança (Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal) informando que os autores utilizaram um veículo Fiat Uno Mille Way de cor cinza, para fugir.


Durante deslocamento pela BR-163, equipe da PRF viu o veículo informado transitando sentido norte pela BR-163 e entrando na BR-419, sentido Rio Negro. Foi realizado acompanhamento e abordagem.


No carro estavam dois homens de 49 e 26 anos, as identidades não foram reveladas pelas autoridades. Na delegacia os dois confirmaram participação no assalto, um como motorista e outro como olheiro. Ambos já possuem passagens pela polícia.


Um dos presos chegou a informar local onde o trio que cometeu o assalto estaria escondido, porém, ninguém foi localizado no local. As investigações apontam que os criminosos vieram de fora do município, sendo alguns de fora do Estado.


Em buscas no veículo os investigadores localizaram documento de Rafael Santos Coron, que durante checagens em redes sociais, encontraram fotos com o suspeito utilizando boné e vestimentas idênticas as utilizadas no assalto, conforme imagens dos circuitos de segurança. Ele estaria de camiseta escura com listras vermelha e branca.


Os investigadores destacam a importância das câmeras de segurança nos estabelecimentos e residências, pois, as imagens possibilitaram a identificação rápida do veículo utilizado pelos criminosos, mesmo eles terem estacionado a certa distância do comércio.


A Polícia Civil continua com diligências para localizar o terceiro suspeito e apurar possível participação de outros envolvidos.

0 visualização0 comentário