• Nativa FM

Posto de saúde é arrombado e mais de 470 doses de vacinas são perdidas em São Gabriel


A ação de vândalos na noite da última sexta-feira (28), fez com que a Unidade de Saúde X, do Primo Maffissoni, perdesse parte do seu estoque de vacinas. Até o momento, foi constatada a perda de cerca de 471 doses de vacinas para diversas doenças por falta de refrigeração.


Segundo o relato da coordenadora de


Planejamento da Secretaria de Saúde, Clarice Maria Scariot, a Unidade de Saúde for arrombada por volta das 22h30, quando houve o disparo do alarme; ao chegar ao local, junto com a enfermeira responsável pelo posto, observou que alguns itens foram furtados, entre eles um celular, aparelho de pressão e glicosímetro. A empresa responsável pela segurança da Unidade acionou a Polícia Militar, que fez buscas pelo local.


A secretária de Saúde, Francine Gnoato Basso demonstrou indignação pela segunda invasão em prédios municiais em menos de uma semana. No dia 23, domingo, a Assistência Social também registrou o arrombamento do CASA, Centro de Ações Socioassistenciais, quando houve o registro de furto de um celular. Já na Unidade de Saúde, a preocupação maior é com relação a perda das vacinas.


Foram mais de 470 doses de vacinas irrecuperavelmente perdidas pois desligaram o refrigerador que mantinha as doses na temperatura ideal. Essa ação prejudica não apenas a unidade pela perda de materiais, mas toda nossa comunidade; são crianças, adultos, idosos que poderão ficar sem essas vacinas, que são imprescindíveis para proteção da saúde, por causa da ação de um ou mais vândalos”, relatou.


As vacinas que foram invalidadas são contra hepatite B (40 doses), pentavalente (20 doses), rota vírus (22 doses), pnemo-10 (contra pneumonia – 15 doses), Pneumo-23 (5 doses), meningocócica-C (19 doses), hepatite A (13 doses), paralisia infantil (20 doses vip e 50 doses vop), DTP (10 doses), Dupla Adulta (10 doses), tríplice viral (100 doses), febre amarela (35 doses), DTPA – difteria, tétano e pertussis (7 doses), varicela (10 doses), DTPA infantil (1 dose), HPV (25 doses), meningo ACWY (19 doses) e H1N1 (50 doses).


Francine informou que registrou boletim de ocorrência na Polícia Militar e que providências estão sendo tomadas. Todas as Unidades de Saúde do município são monitoradas por empresa de segurança e imagens de câmeras de segurança da vizinhança também serão periciadas para a identificação dos responsáveis.


Assessoria de comunicação.

1 visualização0 comentário