Projeto de irrigação submersa em Camapuã é maior do país


A tecnologia aplicada a um projeto de irrigação inteligente chamou atenção da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro). O projeto referência, considerado o maior sistema de irrigação submersa do país, foi apresentado pelos proprietários do local a representantes da Semagro na manhã de hoje (12).


O método, que busca otimizar a eficiência no uso da água, fornece medidas apropriadas de água e nutrientes diretamente nas raízes das plantas, evitando possíveis desperdícios e gastos desnecessários. Pioneiro do Estado, o projeto de irrigação foi implantado pelo produtor rural Sérgio Petrella na propriedade de sua família, a Fazenda Luzinha, localizada na cidade de Camapuã.


A necessidade de aplicação do sistema surgiu após o agricultor implantar com sucesso o método de integração lavoura-pecuária para reformar os pastos da fazenda. “Com os resultados decidi buscar projetos de irrigação para intensificar a atividade com ILP na Fazenda, e após visitar vários países conheci o projeto da Netafim que implantamos com investimento aproximado de R$ 8 milhões numa área de trezentos hectares”, explica Petrella.


Jaime Verruck, secretário da Semagro, foi responsável por recepcionar o agricultor e afirmou que o sistema já conta com aprovação do Estado, que incentiva sua plena ativação.


É um projeto que é uma referência, e simboliza o que Mato Grosso do Sul busca, que é a intensificação e a melhoria das condições de produção, com tecnologia e inovação”, afirmou o secretário.

9 visualizações

© 2016 desenvolvido por Indoorbrasil.

Avenida Getúlio Vargas, 757 - Centro,São Gabriel do Oeste / MS