• Nativa FM

São Gabriel do Oeste é o maior gerador de empregos da região norte e o quinto no MS, aponta Caged


O desemprego diante da pandemia do novo coronavírus vem batendo recordes no Brasil, sendo que em setembro deste ano a taxa ficou em 14%. Mesmo em meio à crise causada pela Covid-19, Mato Grosso do Sul se manteve como quinto maior gerador de empregos no país, graças a uma indústria forte.




Em São Gabriel do Oeste não foi diferente; o município foi o maior gerador de empregos da região norte do Estado, se destacando nos setores de serviço e indústria. No acumulado do ano foram 3.275 contratações e 2.549 demissões, no período de janeiro a outubro, um saldo positivo de 726 vagas de emprego com carteira assinada.


O resultado coloca São Gabriel do Oeste também como o quinto maior gerador de empregos no Estado, atrás apenas de Dourados (2.241), Naviraí (1.238), Nova Andradina (852) e Sidrolândia (761). Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta quinta-feira (26) pelo Ministério da Economia.


Nos meses iniciais da pandemia de coronavírus, São Gabriel do Oeste contabilizou mais demissões do que contratações: março (-103 vagas) e abril (-87). Entretanto, o município está no sexto mês consecutivo em que registra saldo positivo na geração de empregos, com destaques para os setores da indústria (549), serviços (123) e comércio (45). Logo depois aparecem os segmentos da construção (07) e agropecuária (02).


O prefeito Jeferson Tomazoni avaliou o crescimento e desenvolvimento do município. "São Gabriel do Oeste é hoje um polo do agronegócio; somos um dos maiores produtores de grãos do Estado, o maior produtor de suínos, temos uma economia forte e um comércio que vem se destacando e criando novas frentes de trabalho. São Gabriel é a melhor cidade para se viver no MS, o município que mais cresce na região, com o maior desenvolvimento e isso é uma conquista de todos”, comentou o prefeito.


Para o secretário de Desenvolvimento Econômico, Roberto Emiliani Junior, o resultado também destaca o serviço prestado pelas Casas do Trabalhador e do Empreendedor. “Esses dois departamentos são essenciais para a economia da cidade; hoje, conseguimos fazer o encaminhamento para diversas vagas de empregos tanto para indústrias quanto para o comércio. Nossa parceria com empresas como a Boibras e a Aurora são de fundamental importância para a geração de empregos na cidade. Além disso, nossa gente é batalhadora e criativa, só neste ano, contabilizamos mais de 1,5 mil microempreendedores, pessoas que apostaram no pequeno negócio para driblar a crise econômica”, enfatizou.


A Casa do Trabalhador de São Gabriel do Oeste atua como facilitadora tanto para o trabalhador que está em busca de uma vaga no mercado de trabalho, quanto para o empresário que busca o melhor candidato para o perfil de vaga ofertada.


Além de contar com o banco de candidatos da Casa do Trabalhador, os empresários que optam por oferecer as vagas por meio da instituição, contam com todos os serviços gratuitos de intermediação e seleção dos trabalhadores. Para cada vaga aberta, são selecionados três candidatos para que o empregador faça a seleção final.


Os empresários também podem procurar a Casa do Trabalhador para promover a oferta de emprego. O cadastro pode ser diretamente na unidade, que está situada no polo administrativo da Prefeitura, na rua Martimiano Alves Dias, 1211. Os telefones de contato da Casa do Trabalhador são o (67) 3295-1174 ou 3295-2018, com atendimento das 7h às 13h.

2 visualizações0 comentário