Ventania causou queda de árvores, destelhamentos e chegou a 79 Km/h em MS


Ventania acompanhada de chuvas isoladas, pegou moradores de surpresa e causou estragos em cidades do interior de Mato Grosso do Sul, na noite desta terça-feira (13). Em Laguna Caarapã, a 287 quilômetros da Capital, a velocidade do vento oscilou entre 65 km/h até 79 km/h e choveu 27,8 milímetros, segundo o meteorologista Natálio Abrahão, da Universidade Uniderp.


Por lá as rajadas de ventos, causaram risco de danos a residências, com possibilidade de quedas de árvores e postes. Ainda conforme o meteorologista também foram registradas áreas de instabilidade em cidades da região sul do Estado - como Jardim, Bonito e Bodoquena. Em Ribas do Rio Pardo também há relato de temporal, mas a reportagem não conseguiu contato com as autoridades locais. Em Aral Moreira, choveu 23 milímetros até às 21h, acompanhada de trovões, relâmpagos e rajadas de ventos de até 51,12 Km/h.


Em São Gabriel do Oeste uma pancada de chuva rápida na tarde desta terça-feira (13), chegou a atingir 47 Km/h e cerca de 1.400 moradores ficaram sem energia, por pelo menos duas horas.


Devido a velocidade do vento, parte do muro do lixão da cidade também caiu. Amambai foi a cidade mais atingida pelas precipitações desta terça-feira. Depois de 53 dias de estiagem, um temporal de 1h com 65 milímetros de chuva, acompanhado de ventos fortes e granizo, destelhou residências e derrubou árvores.


Ruas ficaram alagadas e muitas residências ficaram sem energia por mais de uma hora. Em Caarapó, onde ontem também caiu granizo, voltou a chover forte nesta terça. Na Capital a ventania ocorreu das 19h até por volta das 21h, mas não chegou a chover em nenhum bairro.

5 visualizações

© 2016 desenvolvido por Indoorbrasil.

Avenida Getúlio Vargas, 757 - Centro,São Gabriel do Oeste / MS